Jovem baleado por funcionário da empresa de transporte em BH por desejar se deslocar pela cidade mesmo sem ter grana

No Rio, jovens pobres impedidos de circular pela cidade, na região metropolitana do Belo Horizonte, jovem é assassinado ao tentar se deslocar pela cidade mesmo sem ter dinheiro para pagar. Para além dessas tragédias escancaradas, muitas pequenas misérias silenciosas se repetem dia após dia, fruto do impedimento da vida circular.

Tarifa zero e transporte abundante custeado pelos setores mais ricos da sociedade é uma questão de bem estar, segurança, desenvolvimento econômico, político e amoroso para a população.

do R7: Jovem baleado por fiscal do Move morre em Belo Horizonte 

Morreu nesta quinta-feira (20), no Pronto-Socorro do Hospital João 23, em Belo Horizonte, o rapaz que foi baleado ao tentar entrar um ônibus do Move, em Santa Luzia, na região metropolitana.

Segundo a Polícia Militar, Reginaldo Silva Rocha, de 22 anos, foi baleado por um fiscal, que impedia que passageiros entrassem no coletivo sem pagar passagem.

Amigos e parentes do garçom fizeram um protesto pedindo a apuração do crime. Segundo a polícia, o suspeito de ter atirado, William Faria de Almeida, de 42 anos, está foragido.

A briga começou na Estação São Benedito do Move. Segundo a PM, a vítima e mais dois amigos tentaram entrar sem pagar em um dos ônibus, mas os fiscais não deixaram. O trio tentou novamente, na praça da Juventude, perto da estação. Assim que os fiscais perceberam, tentaram impedir. No meio da confusão, um dos funcionários da fiscalização, que estava armado, atirou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *