Não vai ter tarifa! Panfleto do MPL São Paulo para o ato de hoje, dia 19

Há exatamente um ano saímos às ruas para dizer não ao aumento das tarifas de ônibus, metrô e trem que a prefeitura, o governo do estado e as empresas queriam nos enfiar goela abaixo. Ocupamos as ruas para que a nossa voz fosse escutada: 20 centavos, não!, porque cada centavo a mais no preço das passagens aumenta a exclusão, impede mais pessoas de utilizar o transporte por falta de dinheiro e, por isso, faz com que não tenham seu direito à cidade garantido.

E vencemos! O povo conseguiu quebrar o cotidiano de derrotas que nos aflige nesta vida em que decidimos tão pouco. Fomos milhares, centenas de milhares! Os vinte centavos desapareceram e, no lugar deles, ficou o sentimento de que organizados coletivamente podemos mudar nossas vidas, podemos transformar radicalmente nossa cidade. Agora só faltam três reais, e pra isso construiremos mais histórias com muita luta e também muita festa. Continue reading “Não vai ter tarifa! Panfleto do MPL São Paulo para o ato de hoje, dia 19”

[MPL Rio e Niterói] Sobre o ato do dia 28 e a jornada de lutas que se inicia

O ano se iniciou após o MPL-Rio e o MPL-Niterói terem organizado seu primeiro ato, em 20 de Dezembro, construído com outras organizações, indivíduos e movimentos. A luta contra o aumento das passagens municipais foi retomada após o Prefeito Eduardo Paes declarar que ele ocorreria em Janeiro de 2014. Porém no dia do ato o Tribunal de Contas do Município aconselhou que o prefeito não aumentasse as passagens, devido às irregularidades na analise das contas que envolvem a FETRANSPOR. Seguida da posição do prefeito de esperar até Fevereiro para ter a resposta do órgão, no mês Janeiro ficou suspenso de aumento na tarifa municipal no Rio. Continue reading “[MPL Rio e Niterói] Sobre o ato do dia 28 e a jornada de lutas que se inicia”

Nota do MPL-SP sobre as mobilizações do dia 11/07

por Movimento Passe Livre São Paulo

No próximo dia 11, centrais sindicais e movimentos de todo país organizam um dia de luta, com greves e manifestações. Saudamos todos os trabalhadores e trabalhadoras que se mobilizam Brasil afora. Só a luta pode mudar nossas vidas.

Mas só mudamos a vida quando sabemos pelo que lutamos. Já no dia 11, há tantas reivindicações diferentes sendo levantadas que elas tendem a ficar diluídas. Não sabemos a quem interessa essa diluição, mas certamente não é aos trabalhadores. Se nossos problemas são concretos, nossas pautas devem ser igualmente concretas.

O Movimento Passe Livre de São Paulo é um movimento social autônomo que luta por transporte público, e nesse dia é a luta por transporte que vamos fortalecer. Mas não nos termos vagos colocados pelas centrais sindicais, que pedem genericamente um “transporte público de qualidade”. O transporte só será “público e de qualidade” quando não tiver tarifa e for controlado pelos seus trabalhadores e usuários, não mais por empresas privadas. Continue reading “Nota do MPL-SP sobre as mobilizações do dia 11/07”

Link correto para o projeto de lei de tarifa zero de iniciativa popular

Faço esse pequeno post especialmente para as pessoas que estavam presentes no debate “Mobilidade urbana e cidadania”, da X Bienal de Arquitetura, no Centro Cultural São Paulo. Faltou eu mencionar “sp” no final do link para a campanha de coleta de assinaturas para o projeto de lei de iniciativa popular:
tarifazerosp.net/participe

Aproveito para colar aqui o início da explicação do Movimento Passe Livre sobre essa campanha: “Para que um projeto de lei de iniciativa popular seja apresentado na Câmara Municipal, é preciso que ele venha acompanhado de assinaturas de 5% do eleitorado da cidade. No caso de São Paulo, isso significa aproximadamente 500 mil pessoas. Quando o projeto for levado à votação, não será em nome de algum vereador ou de um pequeno grupo de pessoas, mas em nome de todos os que assinaram”.

[São Paulo] Aula pública: Tarifa Zero e mobilização popular


[clique na imagem para visualizar maior]

Tarifa zero e mobilização popular estão em pauta em todo o país. Para difundir e ampliar estes temas, o Movimento Passe Livre São Paulo convida todos e todas para uma aula pública nesta quinta-feira, às 17h. O local não poderia ser mais adequado: do lado de fora da Prefeitura de São Paulo, onde há semanas estamos fazendo política voltada para o interesse coletivo.

Quem dará essa aula?
Lúcio Gregori, engenheiro, músico, ex-secretário de Transportes da prefeitura Luiza Erundina (1989-1992) e idealizador do Projeto Tarifa Zero.
Paulo Arantes, filósofo, escritor, pesquisador e professor aposentado do Departamento de Filosofia da USP.

observação: se chover, a aula será realizada embaixo do Viaduto do Chá.

Carta aberta do Movimento Passe Livre São Paulo à presidenta

À Presidenta Dilma Rousseff,

Ficamos surpresos com o convite para esta reunião. Imaginamos que também esteja surpresa com o que vem acontecendo no país nas últimas semanas. Esse gesto de diálogo que parte do governo federal destoa do tratamento aos movimentos sociais que tem marcado a política desta gestão. Parece que as revoltas que se espalham pelas cidades do Brasil desde o dia seis de junho tem quebrado velhas catracas e aberto novos caminhos.

O Movimento Passe Livre, desde o começo, foi parte desse processo. Somos um movimento social autônomo, horizontal e apartidário, que jamais pretendeu representar o conjunto de manifestantes que tomou as ruas do país. Nossa palavra é mais uma dentre aquelas gritadas nas ruas, erguidas em cartazes, pixadas nos muros. Em São Paulo, convocamos as manifestações com uma reivindicação clara e concreta: revogar o aumento. Se antes isso parecia impossível, provamos que não era e avançamos na luta por aquela que é e sempre foi a nossa bandeira, um transporte verdadeiramente público. É nesse sentido que viemos até Brasília. Continue reading “Carta aberta do Movimento Passe Livre São Paulo à presidenta”

Nota do Movimento Passe Livre Florianópolis

por Movimento Passe Livre Florianópolis

O Movimento Passe Livre, com apoio da Frente de Luta pelo Transporte, convoca para a próxima terça-feira, 25 de junho, um ato em caráter de ultimato à prefeitura do Sr. César Souza Júnior (PSD) pela Redução Imediata das Tarifas do Transporte Coletivo, seguindo o exemplo de 50 cidades do país, entre elas 14 capitais.

Reivindicamos também o estabelecimento de uma agenda de curto e médio prazo visando o barateamento sistemático das tarifas, rumo a Tarifa Zero no transporte público, instituindo um grupo de trabalho de caráter deliberativo, nos moldes do que foi estabelecido no Distrito Federal, envolvendo também os municípios da região metropolitana. Continue reading “Nota do Movimento Passe Livre Florianópolis”

[São Paulo] Nota do Movimento Passe Livre

por Movimento Passe Livre São Paulo

A cidade não esquecerá o que viveu nas últimas semanas. Aprendemos que só a luta dos de baixo pode derrotar os interesses impostos de cima. A intransigência dos governantes teve de ceder às ruas tomadas, às barricadas e à revolta da população.

Não foi o Movimento Passe Livre, nem nenhuma outra organização, que barrou o aumento. Foi o povo.

O povo constrói e faz a cidade funcionar a cada dia. Mas não tem direito de usufruir dela, porque o transporte custa caro. A derrubada do aumento é um passo importante para a retomada e a transformação dessa cidade pelos de baixo.

A caminhada do Movimento Passe Livre, que não começa nem termina hoje, continua rumo a um transporte público sem tarifa, onde as decisões são tomadas pelos usuários e não pelos políticos e pelos empresários. Se antes eles diziam que baixar a passagem era impossível, a revolta do povo provou que não é. Se agora eles dizem que a tarifa zero é impossível, nossa luta provará que eles estão errados.

Por uma vida sem catracas!

Movimento Passe Livre São Paulo

[São Paulo] Solidariedade aos presos no ato contra o aumento nas tarifas

Pessoal, uma das bases de sustentação da luta é a solidariedade. Na noite de ontem aproximadamente 20 manifestantes foram presos e ainda permanecem assim. Hoje à tarde este caso sai da esfera da delegacia e cairá na mão de um juiz responsável. Ele poderá decidir se mantém ou não a absurda exigência de finanças de até R$ 20 mil reais.

De qualquer forma, o movimento precisará de uma considerável quantia de dinheiro para prestar auxílio aos detidos. Todos e todas devem cuidar uns dos outros nesses momentos, a luta é uma só.

Seguem dados para contribuição individual e coletiva (se você for de uma organização, um sindicato etc., e sua organização tiver melhores condições para contribuir, faça!):

Neste momento é o Movimento Passe Livre agora precisa de colaboração, amanhã serão outros.

Contato: [email protected]

Doações
Caixa Econômica Federal
Agência 1365
Operação: 013 (poupança)
Erica Oliveira do Nascimento (CPF: 384.584.808/16)
Conta: 00021371-3

[São Paulo] Nota pública do Movimento Passe Livre sobre a luta contra o aumento

por Movimento Passe Livre – São Paulo

No fim da última semana, São Paulo viveu duas grandes manifestações contra o aumento das tarifas de ônibus, trem e metrô para R$3,20. O Movimento Passe Livre (MPL) não é a única organização envolvida nessas mobilizações e não se considera o dono da luta contra o aumento. Esta luta tem sido uma luta ampla, com grande adesão da população e outras organizações políticas – por isso mesmo não temos controle total das manifestações e nem dos grupos envolvidos. Continue reading “[São Paulo] Nota pública do Movimento Passe Livre sobre a luta contra o aumento”